Subscribe:

segunda-feira, janeiro 31, 2011

A NOITE CHEGAR



E nessa sala vazia
O silêncio ecoa nas paredes
A meia luz parece refletir meus pensamentos no cinzeiro
Apesar da tontura, ainda consigo ver a minha cara no espelho do banheiro.

E nessa cena meio terror-retrocesso
Me perco e me reinvento.

Quando a noite cai 
É como a morfina, estabiliza
Me fascinam os quadros antigos pendurados na parede
Apesar de estarem um pouco tortos...Ou não
Talvez minha visão esteja um pouco turva...

E quase melancólico por sí só, o chão
Encerado, brilhando...Porém, coberto de pó
Não passam por aqui há anos
Há anos não saio do mesmo lugar.

É apenas tristeza, não se importe
Eu não tenho telefone mesmo
Nem número, nem alguém para quem ligar.

E todas as manhãs e tardes, apenas espero a noite chegar.

•Ouvindo agora: The GodFather Theme



1 comentários:

Francorebel disse...

Achei depressivo, tal qual uma casa abandonada, com móveis empoeirados e tapetes encardidos, onde repousa uma criança morta, esperando eternamente pelo retorno dos pais, que jamais voltaram para abraçá-la.


Não sou roqueiro, mas curto rock.


Bj!


F.

Postar um comentário

•Expresse sua opinião de forma coerente
•Respeite os outros leitores
•Nada de palavrões
•Sem ofensas
•Evite escrever com o CAPS LOCK ligado
•Evitexx excrever axim também (Obrigada)
•Volte Sempre! :)

  •