Subscribe:

quinta-feira, abril 07, 2011

DEFLEXÃO

E se eu não conseguir, tenho a certeza de que tentei 
E se eu não conseguir, nas minhas memórias, livre eu estarei.


Se você não se entrega de coração à algo que realmente ama
Tenha certeza de que não vale a pena viver.


Algumas vezes, nas entrelinhas escrevo
Entre linhas faço meus verso
E me torno eterna...


De que valeria se eu vos escrevesse um poema que não fizesse sentido algum, nem para mim?


As letras e palavras que escrevo
Escoam da minha alma
Direto pelos dedos
E não consigo controlar.


De todas as vezes que tentei e falhei
Não errei, aprendi.


Aprendi que entre olhares pode se ver claramente um "eu amo você"
E em um "eu amo você" pode estar escondido "não quero mais, porém tenho pena de te magoar"
Todos nós já somos maturos o suficiente para saber a diferença entre tudo isso
E porque, mesmo assim tentamos nos enganar?
Prolongando uma dor que nem, jamais, deveria ter existido
Promovendo a distância entre nós, mesmo que nossas mãos estejam unidas...


Deveras eu nem dizer isso, nem escrever isso, nem pensar sobre isso
Deveras eu não ser quem sou...
Talvez eu nem devesse existir...


Se fosse simples como todos nós pensamos que iria ser
Talvez ainda acreditássemos que além do arco-iris há um lugar bem mais bonito do que este em que estamos
Este em que vivemos
Este que destruímos...


Não tente reler meus versos, não tente mais de uma vez saber quem eu sou
Se leu uma vez e me entendeu...Você também não deveria existir. 
Se perca em minha deflexão e toque meu céu azul-avermelhado.


"O céu já foi azul, mas agora é cinza
E o que era verde aqui, já não existe mais"


•Ouvindo Agora: Fábrica - Legião Urbana

8 comentários:

Millena Blogueira disse...

O essencial na vida é tentar, pois um dia acabamos conseguindo.

Victor Viana disse...

Temos que tentar não é mesmo , mesmo que parece que vai ser difícil

@iamvictor_ disse...

adorei, é de sua autoria?

Gabriel G. disse...

Cara amiga misunderstood, lembro de ti(:
melhorou na escrita ein?
parabéns, fico feliz de voltar aqui.
:*

Arnoldo Pimentel disse...

Temos que tentar sempre, só assim saberemos se podemos conseguir.Beijos.

Francorebel disse...

Deflexão é um termo psicológico, não sei se você sabia disso e quis se referir a ele ou não tinha noção e jogou ele como título do poema, enfim. Adorei o post, bem no seu estilo, meio que um tanto indefinível.
A foto... Brigitte.... regaçô, irmã!

Bj!

F.

Any Brasil disse...

nossa que lindo, adorei.
trendluxo.blogspot.com

Arash Gitzcam disse...

Eu curto céu azul-avermelhado...

Postar um comentário

•Expresse sua opinião de forma coerente
•Respeite os outros leitores
•Nada de palavrões
•Sem ofensas
•Evite escrever com o CAPS LOCK ligado
•Evitexx excrever axim também (Obrigada)
•Volte Sempre! :)

  •