Subscribe:

quinta-feira, julho 21, 2011

UM PEQUENO ENSAIO SOBRE O LAGO, O VIOLINISTA, O SILÊNCIO E A MORTE.

Então, todas às tardes, por volta das cinco, estava ele lá: O violinista. Pra ele, pouco importava se estava frio ou calor. Aliás, pra ele pouco importava qualquer outra coisa.

Quem via de longe, sempre o achou louco. Tocando sozinho, à beira do lago, como se alguém pudesse o ouvir, alguém que não fosse uma das poucas pessoas, que, vez ou outra, atravessavam a estrada de barro. Ele tocava com dedicação, como quem toca pra uma platéia de cem mil pessoas. Sempre foi assim.

Tocava seu violino, que por sinal, não era um dos melhores,  porém, fazia-o  com tamanha destreza. Seus dedos habilidosos, percorriam as cordas, como se afagassem os cabelos de uma bela dama...Uma bela dama que poderia já ter partido. Uma bela dama que poderia estar ali. E ficava por horas à fio.

Por vezes parava durante o pôr-do-sol, e ficava admirando as milhares de tonalidades do céu enquanto era engolido aos poucos pelo horizonte e pelo lago...Era um espetáculo quase indescritível, via as cores de um outro modo, era daltônico... Às vezes, o céu ficava como um caleidoscópio, fosse pelo seu pequeno desvio, fosse pela sua imaginação. O silêncio quase gritava. Era como uma criança que chora,mas sem o som.

Passavam poucas pessoas por ali, mas ele nunca percebeu que passavam, ele ficavam completamente compenetrado em seu violino ou no céu. Elas deviam falar alguma coisa...Ele não as escutava.

Diziam:

-Ele é um louco, fica tocando sozinho, pra ninguém...

O que mal sabiam é que toda tarde alguém o escutava...Fosse a bela dama de cabelos louros, fosse a bela dama de capa preta...

Adam sabia...Só estava se preparando...

(Tamires Alci)

2 comentários:

Arnoldo Pimentel disse...

Um texto maravilhoso, repleto de magia de solidão, arte.Beijos

Francorebel disse...

Não mesmo.


Multi-lados da mesma moenda.

Postar um comentário

•Expresse sua opinião de forma coerente
•Respeite os outros leitores
•Nada de palavrões
•Sem ofensas
•Evite escrever com o CAPS LOCK ligado
•Evitexx excrever axim também (Obrigada)
•Volte Sempre! :)

  •