Subscribe:

sábado, dezembro 24, 2011

À 2011

Por todas as suas tardes e noites
Os passos largos na calçada
E as janelas entreabertas
Que me tomaram de açoite.

Por suas tristezas
Decepções
Sorrisos e alegrias
Por todos aqueles que aprenderam a viver dia-a-dia.

Pelos versos perdidos
E beijos roubados
Pelas fotografias
E pelos pecados.

Ficaram a esperança
Ficaram pessoas
Lugares, momentos
Que nem sequer o vento ou o tempo podem apagar.

Pelas pegadas na beira da praia
E meu nome escrito perto do mar.

À todos os fortes, os meus parabéns
Aos fracos, não desistam
E à alguém...Eu te amo.

Obrigada por tudo 2011!

(Tamires Alci)


•Ouvindo Agora:New Year's Day - U2


2 comentários:

Francorebel disse...

Há 2012.

Lindo.

Arnoldo Pimentel disse...

Sempre lindos seus versos.Saudades.

Postar um comentário

•Expresse sua opinião de forma coerente
•Respeite os outros leitores
•Nada de palavrões
•Sem ofensas
•Evite escrever com o CAPS LOCK ligado
•Evitexx excrever axim também (Obrigada)
•Volte Sempre! :)

  •