Subscribe:

domingo, março 25, 2012

[...]

-Não
-Porque não?
-Porque sim oras...
-Porque sim o seu não?
-Tá bom vai....
-Vamo tentar de outro jeito?
-A gente poderia tentar de milhões de jeitos, só basta você querer...Toma aqui, olha isso ai e escolhe uma pra gente tentar.
-Essa. Acho que essa vai ser boa pro que a gente quer...
-Okay, okay.

-Hey, garçom...Traz uma rodada de Heineken pra gente.

E ali ficaram, feito duas crianças rindo, cantando e tentando se embebedar.

(Tamires Alci)

•Ouvindo Agora: She Will Be Loved - Maroon 5

quarta-feira, março 21, 2012

DEIXE ESTAR

Não tente me prender 
É melhor assim
É melhor pra mim
Deixa-me viver.


Deixa-me desperdiçar o tempo com bobagens
Viajar
Deixa-me fazer uma tatuagem.


É assim 
Sou livre
Então deixa-me voar
Nas asas do dragão 
Cortando e recortando a escuridão.


Entre o pôr-do-sol
Desfaço-me
Disfarço-me
Pra você não me ver.


Eu sei que meu olhar te encanta
Então deixe-se entrar na dança
Mesmo sem música, serei seu par
E dançaremos na areia
Com brilho da lua e o barulho do mar.


É assim...
Deixe ser
Deixe estar.


(Tamires Alci)


•Ouvindo Agora: Vuela Libre Paloma - Maná

domingo, março 04, 2012

ME DIGA

Sentada à beira-mar
Na areia da praia
Meu pensamento flutuar.


Um poema mal escrito
Alguém que mal sabe amar
Pessoas que passam o tempo todo
Pra lá e pra cá
E mal param pra reparar
Um ninguém que escreve versos 
Mesmo se as gotas de chuva
Fizerem borrar
Mesmo se as lágrimas pelas pautas virem a rolar.


Alguém quer saber onde você mora
Alguém quer saber onde você dorme
Ninguém se interessa onde está o pote de ouro
Se a ousadia se faz com um outro alguém
Já que ninguém consegue nada sozinho.


Você precisa me dizer onde está
Me mande uma carta, um e-mail...Sei lá
Eu só quero saber onde você se esconde
Me grita, eu quero ouvir sua voz a me chamar.


Me diga apenas o que você sabe
O que não souber a gente descobre
Ou a gente encobre o que souber demais
O que importa é a gente não saber aonde vai
E nem o que vamos encontrar a frente
E é assim que a gente vive 
A vida da gente.


(Tamires Alci)

POR TI E PARA TI

As nuvens que vagam
Por entre céus, montanhas e pensamentos
Por entre jardins e edifícios
Carregam minha alma pra longe
Pra junto delas
Pra junto de ti.

Pra que mais perto eu possa estar
Mesmo sem poder te tocar
Mesmo sem te sentir
Mesmo sem te ver sorrir.

E dos poemas que escrevi
Nada vai sobrar
Nem as letras, nem o papel
Que com o tempo se desbotará
Nem a tinta, nem o pincel
Que também com o tempo desfazer-se-á.

Só não serão desfeitas nem com a chuva, nem com sol
As promessas que te fiz
O amor que te jurei
Tudo que você me diz
E os momentos que contigo passei.

A vida é curta
E nela tudo se vai
As pessoas, os lugares, o tempo
Só existem lembranças e sentimentos
Que serão eternizados
Do amor que sentimos
E da forma que fomos amados.

(Tamires Alci)

  •