segunda-feira, 30 de maio de 2011

EU SOU MINHA

E do violão saem notas desafinadas
Que mal chegam a formar uma canção
Mas que, de certa formam, conduzem um tom de tristeza
Condizente com a cena em si.


Do sol maior, fez-se o lá
Do ré, fez-se o dó
E em cordas perco-me em mi(m).


O vento que teima em balançar cabelos desgrenhados
E aquece-me com uma leveza quase solitária
E o que era preto, vai desbotando-se para ruivo
Para pontas mal-acabadas.


A cidade não é mais a mesma
Os olhos não são mais os mesmos
A boca que vos canta e desencanta também não é a mesma
Nem os motivos
Mas a canção permanecerá
Enquanto houver um só ser estúpido que queira a dedilhar.


Quantas tantas vezes chorei
Me apavorei e pensei que nada ia voltar a ser como antes
Hoje, vejo claramente que tudo mudou
Mas as lágrimas foram em vão...
Foram como o choro de uma criança a ser deixada na porta da escola pelos pais
Ela se desespera, mas é um desespero vão
É só medo.


E se não houver amanhã, estarei livre de minha culpa
Do que chorei e tentei desistir
Do que me reergui e vivi.


Hoje eu sou minha.


(Tamires Alci)


•Ouvindo Agora: I Am Mine - Pearl Jam

12 comentários:

  1. Uma imagem nasce bem à nossa frente enquanto viajamos nos versos desse poema, beijos.

    ResponderExcluir
  2. Lindo, gostei msm, boa escolha da imagem (into the wild é mttt bom, tbm com a trilha sonora do Eddie Vedder... hahah)
    www.elindierock.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. legal, gostei da criatividade.
    Muito original.
    parabéns

    ResponderExcluir
  4. Gostei da imaginação hein!

    ResponderExcluir
  5. Me alegra saber que nem tudo está perdido. Ler textos como este seu me dão esperança quanto a nossa juventude. Parabéns pelo texto guria!
    Estou seguindo o blog

    Sucesso e fique com Deus!

    ResponderExcluir
  6. Blog bacana!
    Estamos seguindo!!!

    att.
    Blog Porco Filósofo

    visite-nos
    http://porcofilosofo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Da uma bela letra de música heim....ficou muito bom

    ResponderExcluir
  8. Nossa, gostei muito do seu blog, dos textos do visual, de tudo. Serio mesmo. Vou seguir.

    Bjo ;)

    Ah, e o post é muito bom.

    ResponderExcluir
  9. Perfeito o post...

    Poema de um lirismo incrível, a foto do filme Na Natureza Selvagem sobre a falsa felicidade solitária que teve a trilha sonora pelo mesmo vocalista e compositor dessa grande banda que é o Pearl Jam.

    ResponderExcluir
  10. Huum... Muito boom.
    Gostei bastante do Post
    e do Bloig tbm'
    ^^
    http://cantinhocomtudo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Esta sensação é tão libertadora!
    Quem dera fosse possível passar a vida assim, sabendo quando, como e em que se apegar e se desapegar...

    Belos Versos!

    ;D

    ResponderExcluir
  12. Há quanto tempo não me sinto minha de verdade...

    Preciso voltar a assumir as rédeas da minha vida...

    ResponderExcluir

•Expresse sua opinião de forma coerente
•Respeite os outros leitores
•Nada de palavrões
•Sem ofensas
•Evite escrever com o CAPS LOCK ligado
•Evitexx excrever axim também (Obrigada)
•Volte Sempre! :)